Dilmar Ferreira

Vereadora do PMDB tenta explicar discurso a favor de Marconi Perillo, mas seu texto não diz nada

Vereadora do PMDB tenta explicar discurso a favor de Marconi Perillo, mas seu texto não diz nada

A vereadora Elinner Rosa, única do PMDB na Câmara Municipal, aproveitou uma história de bafômetro a que foi submetida em blitz promovida pela Polícia Militar, para parabenizar o governador Marconi Perillo, que segundo ela vem fazendo muito pela segurança pública e pela saúde em Anápolis. A história do bafômetro é coisa de polícia e não de governo, já que a Polícia Militar é uma instituição de Estado e não do governador. O que Marconi Perillo vem fazendo pela saúde de Anápolis? Ela não elencou nenhuma Continue lendo

Programa do PSDB na TV é um pacote de hipocrisia e de falsidade.

Programa do PSDB na TV é um pacote de hipocrisia e de falsidade.

Quem assistiu ou vai ver o programa do PSDB na televisão poderá observar o quanto essa gente mente. O programa do partido mostra que o parlamentarismo sempre foi a meta dos tucanos. Se fosse assim eles teriam implantado esse sistema de Governo nos oito anos que mandaram no País com FHC. Naquele período os membros do partido preferiram apoiar a compra da reeleição para que o então presidente FHC fosse reeleito. Por que não implantaram o Parlamentarismo? Naquele tempo eles pensavam que iam governar por Continue lendo

A Câmara Municipal está se transformando em um puxadinho da Prefeitura

A Câmara Municipal está se transformando em um puxadinho da Prefeitura

O vereador Antônio Gomide (PT) é o único que faz oposição na Câmara Municipal de Anápolis à atual administração. Além da dificuldade para aprovar qualquer tipo de proposição que não seja do absoluto agrado do Executivo, o vereador Gomide vem tendo seu trabalho boicotado pela Mesa Diretora da Câmara. A maior prova disso é que os pronunciamentos de Gomide são publicados nas páginas internas do site da Câmara enquanto que os pronunciamentos do líder do prefeito, em resposta ao ex-prefeito Antônio Gomide, são publicados em Continue lendo

Marconi tira o sangue da população em busca de dinheiro

Marconi tira o sangue da população em busca de dinheiro

O governo de Goiás quer arrecadar para fazer campanha eleitoral, dando dinheiro para as prefeituras, talvez em troca de apoio eleitoral para o ano que vem. O povo está sem dinheiro e milhares de desempregados. A situação é de arrepiar e a fome já começa a chegar a milhares de lares brasileiros. O comércio está completamente parado. A exceção é o segmento de supermercado porque o pouco que as pessoas conseguem receber vai para a cesta básica. Carne, mesmo com o preço em queda, continua Continue lendo

Dilmar Ferreira (escreve): O futuro do Brasil está envolto em uma nuvem negra e opaca

Dilmar Ferreira (escreve): O futuro do Brasil está envolto em uma nuvem negra e opaca

O Brasil estava dando certo e caminhava a passos largos para se transformar em uma potência mundial da paz. Em 2012, estávamos com pleno emprego, ou seja, o desemprego estava na casa dos 6%, que é normal nos países desenvolvidos. A miséria já estava sendo considerada como coisa do passado e o PIB dando salto um atrás do outro. Ao invés de pedinte do FMI, o Brasil se transformou em sócio majoritário daquele fundo. O Brasil era o carro chefe dos BRICS que acabava de Continue lendo

Caso BNDES: presidente do banco desmistifica repórteres da Jovem Pan

Caso BNDES: presidente do banco desmistifica repórteres da Jovem Pan

As inverdades ditas pela grande mídia do Brasil sobre o BNDES foram todas desmistificadas pelo atual presidente daquela instituição Paulo Rabello de Castro, durante entrevista na Rádio Jovem Pan de São Paulo. Chegou a dar bronca em Marco Antônio Villa, jornalista e historiador daquela emissora por continuar falando asneiras sem o mínimo conhecimento dos fatos. O presidente do BNDES que está no cargo há pouco mais de um mês e meio foi à sede da emissora para entregar um documento oficial daquele banco mostrando a Continue lendo

Prefeito Roberto Naves coloca 22 servidores à disposição da Câmara Municipal

Prefeito Roberto Naves coloca 22 servidores à disposição da Câmara Municipal

Enquanto as atenções dos anapolinos estão voltadas para os problemas nacionais e com justa razão, o prefeito Roberto Naves, talvez mancomunado com alguns vereadores que só pensam em se locupletarem, estão aprontando na cidade. O prefeito Roberto Naves assinou essa semana a Portaria 158/2017 colocando à disposição da Câmara Municipal 22 servidores. Sabe-se que a Câmara dispõe de uma verba que corresponde a 6% do Orçamento da Prefeitura, cujo valor atual passa dos R$5 milhões mensais que é justamente para cobrir o custeio do Poder Continue lendo

Em três oportunidades os presidentes da República compraram parlamentares para defenderem interesses políticos administrativos.

Em três oportunidades os presidentes da República compraram parlamentares para defenderem interesses políticos administrativos.

Reportagem de Dilmar Ferreira Para quem acompanha de perto a verdadeira história político administrativa do Brasil deve lembrar que nos últimos 40 anos, três presidentes da República, cada um em sua época, provocaram buracos grandiosos no Tesouro Nacional ou nos bens da União com a finalidade de conseguirem alguma coisa que almejavam. O primeiro foi o então presidente José Sarney (Arena/PMDB) que assumiu o governo com a morte do então recém-eleito (indiretamente por um colégio eleitoral) Tancredo Neves, avô de Aécio Neves, mas faleceu antes Continue lendo

O veneno da traição contra Dilma está sendo injetado em Temer

O veneno da traição contra Dilma está sendo injetado em Temer

Nada é mais nojento do que a traição e a ex-presidente Dilma Rousseff foi a maior vítima desse veneno e, o atual presidente Michel Temer foi um dos responsáveis pela injeção do referido veneno contra a presidente legitimamente eleita por 54 milhões de brasileiros. Centenas de políticos que mamaram nas tetas do Governo Dilma foram os primeiros a pular do barco em forma de traição. Ninguém até hoje sofreu tanto os efeitos desse veneno quanto Dilma Rousseff (PT). Os traidores transforam o plenário da Câmara Continue lendo

Os crimes de Michel Temer e de Aécio Neves. Qual a diferença entre um e o outro?

Os crimes de Michel Temer e de Aécio Neves. Qual a diferença entre um e o outro?

O presidente Michel Temer indicou o ex-deputado Loures para ser o intermediário entre ele e o empresário Joesley Batista.  Loures recebeu uma mala de dinheiro – R$500 mil – cujo valor foi devolvido para o empresário. Loures foi preso e em seguida enviado para prisão domiciliar, usando tornozeileira.  O chefe de Loures – Michel Temer – poderá ser afastado da presidência da República, caso a Câmara dos Deputados autorize que o STF possa processar o presidente da República. Por outro lado o senador Aécio Neves, Continue lendo

Anápolis, uma cidade sem obras e sem motivação econômica

Anápolis, uma cidade sem obras e sem motivação econômica

Com uma administração municipal sem rumo e sem qualquer objetivo a perseguir, Anápolis, aos poucos, vai entrando em uma espécie de depressão econômica. O Governo Municipal sempre foi o carro chefe e o principal vetor para os investimentos econômicos na cidade. No entanto, há seis meses a cidade está literalmente paralisada, parece até um navio à deriva. Com um secretariado abaixo da crítica a desmotivação da economia vem se transformando em uma espécie de depressão econômica. O que se fala na Prefeitura é manter a Continue lendo

A violência denigre a imagem de Anápolis e o prefeito não faz nada

A violência denigre a imagem de Anápolis e o prefeito não faz nada

Getúlio Alves Barreto 25 anos – vítima de número 96 – assassinado na noite terça-feira (20) – Novo Jundiaí Anápolis caminha para liderar os números dos assassinatos de Goiás, deixando Aparecida de Goiânia para trás e desmonta as promessas do atual prefeito de Anápolis que falou em interferir para que a segurança pública da cidade fosse melhorada de maneira rápida e eficiente. As promessas de Roberto do Órion não estão sendo cumpridas pelo prefeito Roberto Naves. No ano de 2014, estatísticas oficiais mostram que foram Continue lendo

Roberto Naves está como um navio à deriva procurando um porto seguro

Roberto Naves está como um navio à deriva procurando um porto seguro

*Dilmar Ferreira Quando um político decide entrar em uma disputa eleitoral para comandar uma cidade, notadamente uma urbe do porte de Anápolis é necessário planejar a campanha eleitoral e para começo de tudo é fundamental estruturar uma equipe altamente competente e que conheça de fato os problemas do povo e da estrutura da cidade para em seguida montar um plano de governo que possa ser executado, caso vença o pleito. Eleito, o cidadão precisa montar uma equipe para administrar, que nem sempre é a mesma Continue lendo

Marconi está na mira do Superior Tribunal de Justiça

Marconi está na mira do Superior Tribunal de Justiça

Uma reportagem publicada esta semana pelo jornal O estado de S. Paulo, assinada por Rafael Moraes Moura, aponta que 13 inquéritos contra governadores estaduais estão seguindo trâmites legais naquela corte, sendo que ainda existe mais um inquérito a ser aberto. A reportagem dá conta de que os inquéritos são contra seis governadores, sendo que o governador de Goiás, Marconi Perillo (PSDB) abre a lista com o maior número de inquéritos já abertos. Esses processos vêm sendo procrastinados porque em vários estados como Minas Gerais e Continue lendo

Por que não acredito na administração do atual prefeito de Anápolis

Por que não acredito na administração do atual prefeito de Anápolis

*Dilmar Ferreira Desde a campanha eleitoral já observava que o então candidato Roberto do Órion seria um fiasco. Primeiramente como candidato seria presa fácil para os demais, principalmente para Pedro Canedo e João Gomes. No primeiro debate Pedro Canedo saiu fora porque foi derrotado por ele mesmo diante das câmaras. Sobrou João Gomes, então candidato do PT. Estava indo bem até o debate final, quando perdeu mais de dez mil votos em uma noite. A eleição dele estava ganha, mas perdeu por falta de 2,5 Continue lendo

Dilmar Ferreira analisa o que virá no pós Temer?

Dilmar Ferreira analisa o que virá no pós Temer?

Os trabalhadores e os partidos da esquerda, incluindo o PT, podem estar a serviço da burguesia e dos golpistas mor para dar um golpe dentro do golpe. Essa briga não deveria contar com a esquerda que sonha com eleição direta, o que não vai ocorrer. A eleição, para eleger o sucessor de Temer, vai ser por via indireta e talvez, o eleito seria muito pior do que Temer na articulação para aprovação das medidas contra os trabalhadores. Tudo indica que a elite golpista que está Continue lendo

Lula superou todos os advogados de defesa e juristas desse pais

Lula superou todos os advogados de defesa e juristas desse pais

Dilmar Ferreira Lula mostrou a cara para a nação e não teve medo do juiz Sérgio Moro, o inquisidor de Curitiba, que pisa na legislação e faz o que bem entende para alimentar setores da imprensa que tenta a todo custo impedir que Lula chegue novamente à presidência da República. Lula falou para o juiz Sérgio Moro, durante o seu depoimento em Curitiba, o que os maiores juristas deste pais gostariam de falar, cara a cara com o homem que tenta fazer justiça seletiva contra Continue lendo

Estão tentando levar o Brasil para uma guerra civil?

Estão tentando levar o Brasil para uma guerra civil?

(Dilmar Ferreira) A noite de terça-feira (9), vésperas do depoimento do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, em Curitiba não terminou sem que algo estranho surgisse no noticiário. Um juiz substituto do Distrito Federal determinou a paralisação das atividades do Instituto Lula, em São Paulo, atendendo pedido do Ministério Público Federal, em um processo onde o ex-presidente é réu devido à acusação de obstrução da Justiça, conforme delação premiada do ex-senador petista Delcídio do Amaral. Lula já prestou depoimento pessoalmente no processo, onde não existe Continue lendo

Em que ano estamos: 2017 ou 1968?

Em que ano estamos: 2017 ou 1968?

Dilmar Ferreira* Um dos assuntos mais intrigante da semana que terminou no último sábado foi a possibilidade de prorrogar os mandatos dos atuais titulares dos legislativos e executivos para 2020 com realização de eleições gerais naquele ano juntamente com as eleições para prefeitos e vereadores. Seria uma eleição para todos os cargos eletivos. Foi ai que me perguntei: em que ano estamos? Seria 2017 ou 1968 ou ainda em 1978? O golpe civil/militar de 1964 sofreu um contragolpe em 1968, quando foi editado o famoso Continue lendo