Filho que agredia pai idoso e o obrigava a tomar calmantes é preso pela DEAI

Policiais civis da DEAI (Delegacia Especializada no Atendimento ao Idoso), coordenados pela delegada Ana Lívia Batista, deram cumprimento na última sexta-feira (22/09) ao mandado de prisão preventiva em desfavor de Guilherme Esteves de Macedo, pela prática dos crimes de tortura, lesão corporal grave, cárcere privado, além de maus-tratos físicos e psicológicos e exploração financeira praticados em desfavor de seu próprio pai, o idoso R. M. C. J. de 74 anos.

Ana Lívia afirmou que a vítima relatou que o agressor tinha o hábito de promover festas e deixava o idoso trancado no quarto sem água e alimentação. “Além de todos os crimes praticados, o autor agredia seu pai, obrigando-o a ingerir calmantes, sendo que as agressões também eram praticadas com a empunhadura de uma arma de fogo”, afirmou a delegada.(Fonte: polícia civil)