Força-tarefa vai fiscalizar o transporte de cargas em Goiás

 

Para planejar ação conjunta com foco no transporte de cargas, o superintendente de Controle e Fiscalização Secretaria da Fazenda, Paulo Aguiar, e gerentes da pasta reuniram-se nesta quarta-feira, dia 20, com representantes da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), da Delegacia de Repressão a Crimes contra a Ordem Tributária (DOT) da Polícia Civil e do Batalhão de Polícia Militar Fazendária (BPMFAZ), no Complexo Fazendário, em Goiânia. A operação também terá a parceria da Polícia Rodoviária Federal.

Com a força-tarefa, que será realizada em data a ser definida, cada órgão irá verificar a regularidade do transporte de cargas no âmbito de sua competência. Nesse sentido, caberá à Sefaz, fiscalizar, entre outros pontos, a emissão do documento fiscal. Já a ANTT atuará no sentido de combater a carta-frete. A operação será em vários municípios.

Durante o encontro, o auditor fiscal Eugênio César apresentou o Programa de Fiscalização Inteligente Seletiva (FIS), da Secretaria da Fazenda, ferramenta que inova a forma de fiscalização de trânsito de mercadorias e do IPVA. Agora tarde, a equipe visitar o Posto JK, em Itumbiara.

Pela Sefaz participaram, ainda, da reunião os gerentes de Arrecadação e Fiscalização, Luciano Pessoa, o de Informações Econômico-Fiscais, Leonardo Meneses e o de Combustíveis, Fernando César Ganzer. Da DOT, estiveram presentes os delegados adjuntos Charles Lobo e Fabiana Ganga. Do Batalhão Fazendário Militar participou o comandante Major Cardoso. A ANTT foi representada por quatro servidores: Wilbert Junquilho, coordenador de fiscalização; João Paulo Souza, gerente de fiscalização; Susi Ane Soares, coordenadora de Fiscalização da unidade Centro-Norte e Eduardo Costa Borges, supervisor do Distrito Goiás.