MP de Portugal investiga Igreja Universal por tráfico de crianças

O Ministério Público de Portugal abriu um inquérito sobre uma suposta rede de adoção ilegal de crianças portuguesas ligadas à Igreja Universal do Reino de Deus (IURD), revelou na última segunda-feira (11) à Lusa a Procuradoria-Geral da República. A IURD (Igreja Universal do Reino de Deus) desmente as acusações e garante que vai avançar com processos judiciais.

A emissora de TVI24 de Portugal iniciou na última segunda-feira (11) a apresentação de uma série de capítulos de uma reportagem em que mostra o esquema de tráfico de crianças, promovida por uma instituição de crianças em Portugal, mantida por aquela igreja. Através dessa instituição, centenas de crianças foram tiradas das mães biológicas e adotadas por uma rede de pastores, inclusive pelo bispo Edir Macedo, líder mundial daquela instituição neopentecostal. Este site vai divulgar todos os capítulos desta reportagem que mostra o lado negro de uma igreja que nasceu e cresceu tendo por base o crime e a sonegação de impostos, para não dizer que se trata de uma instituição adubada com dinheiro dos fiéis que são enganados e iludidos com falsas promessas.  Não deixe de assistir os capítulos dessa reportagem feita por jornalistas portugueses ligados à emissora.

 

Primeiro capítulo da série