MP-GO deflagra a Operação Regalia II contra crimes na administração penitenciária

Gaeco e CI comandam a operação

Anápolis – O Ministério Público do Estado de Goiás, por meio do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) e do Centro de Inteligência, deflagrou na madrugada desta terça-feira (21) a segunda fase da Operação Regalia, que visa desarticular organizações criminosas voltadas à prática de crimes contra a administração pública e tráfico de drogas.

A Operação Regalia II deriva de atuação em conjunto com as Polícias Civil e Militar e a Superintendência Executiva de Administração Penitenciária (Seap). Ao todo estão sendo cumpridos 21 mandados de busca e apreensão – inclusive no Centro de Inserção Social de Anápolis – , 7 de condução coercitiva e 11 de prisão (6 preventivas e 5 temporárias).

As equipes são compostas por 10 promotores de Justiça, 61 policiais civis – sendo 11 delegados e 50 agentes – 45 agentes da Seap e 20 policiais militares. (Texto: Sarah Mohn – Fotos: Leandro Coutinho e Sarah Mohn – Assessoria de Comunicação Social do MP-GO)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *