Operação Carta Marcada flagra 10 empresas de transporte de cargas em situação cadastral irregular

 

A Delegacia de Repressão a Crimes Contra a Ordem Tributária (DOT), junto à Agência nacional de Transportes Terrestres (ANTT), Secretaria Estadual da Fazenda (Sefaz), Polícia Rodoviária Federal (PRF), e Polícia Militar deflagraram a operação Carta Marcada na quarta-feira (18). O objetivo da ação foi fiscalizar as empresas de transportes de cargas no que diz respeito à omissão no pagamento dos tributos e sua clandestinidade, assim como a possível utilização da carta frete em desacordo com a legislação vigente. A polícia civil contou com 55 policiais e 23 viaturas. Fiscalizou 23 empresas, das quais 10 estavam com irregularidades cadastrais. as investigações continuam em parceria com as auditorias da Sefaz e ANTT.(Fonte: Polícia Civil)