PM evita ação do ‘novo cangaço’ na Região Sul de Goiás

No fim da tarde desta quinta-feira, dia 3, durante patrulhamento na rodovia GO-330, entre as cidades de Catalão e Ouvidor, os policiais avistaram um caminhão Volvo em que o motorista apresentou uma atitude suspeita ao perceber a viatura da PM. Ao tentar abordar o caminhão, o motorista do veículo desrespeitou a ordem de parada e aumentou a velocidade para fugir da abordagem.

Ao fazer o acompanhamento, os policiais receberam diversos disparos de fuzis. Os integrantes do caminhão abandonaram o caminhão e fugiram em direção a um matagal às margens da rodovia. Dentro do veículo foram encontradas várias munições deflagradas e intactas, três coletes antibalísticos e explosivos.

Equipes de Rotam, Graer, Bope, COD, 18° BPM, GPT e PM/2, deslocaram para a região e efetuaram cercos e incursões em diversas propriedades rurais. Durante as buscas, em uma fazenda próxima ao local em que o caminhão foi abandonado, foram encontrados uma espingarda Gauge, várias munições cal 5,56 e 7,62, uma caminhonete VW Amarok e vários documentos.

Ao consultar o nome que constava no documento da Amarok, os policiais descobriram que o proprietário do veículo estava envolvido com várias ações de roubo a banco, entre outros crimes, além de identificar que o endereço do suspeito era próximo ao local em que o caminhão foi abandonado, na cidade de Três Ranchos.

As equipes se dirigiram ao local e encontraram um dos suspeitos, portando uma submetralhadora cal. 9mm. O homem não obedeceu a ordem para largar a arma e entrou em confronto com os policiais. O agressor foi alvejado e, imediatamente, foi solicitado o suporte do Corpo de Bombeiros que prestou o devido socorro. Na residência foram localizados uma capa tática de colete balístico, dois rádios HT”s e várias munições cal 5,56 e 7,62.

As equipes permanecem nas buscas visando a prisão de mais integrantes da quadrilha que ainda se encontram na região.