Polícia Civil de Anápolis prende homicida que executou sua vítima com tiro na nuca

 

De acordo com o que foi apurado pelo grupo especializado, assassinato ocorreu por conta de dívida existente entre Igor Murilo Mattos e sua vítima

Igor Murilo Venâncio Mattos

O Grupo de Investigação de Homicídios (GIH) de Anápolis cumpriu mandado de prisão temporária em desfavor de Igor Murilo Venâncio Mattos, 19 anos, na terça-feira (22). Ele é apontado como autor do homicídio praticado contra Fábio da Costa, ocorrido no Jardim das Oliveiras no início deste ano. Na ocasião, o autor executou a vítima desferindo um disparo de arma de fogo na nuca de Fábio, que foi pego de surpresa e não pode esboçar qualquer tipo de reação.

Após meses de investigação, o GIH identificou o autor do crime, e que sua motivação teria sido uma dívida existente entre o homicida e a vítima. De posse dessas informações, o delegado responsável pelo caso, Vander Coelho, representou pela prisão temporária do autor. Igor Murilo foi preso e, ao ser interrogado, confessou a prática do delito, alegando em sua defesa que vinha sendo ameaçado pela vítima. Ainda segundo Vander, restam algumas diligências a serem realizadas, mas o inquérito policial relativo ao caso será remetido nos próximos 30 dias. (Fonte: Polícia Civil)