Polícia Civil desfalca quadrilha que contava com funcionários de concessionária e lava jato para subtrair caminhonetes

 

Duas pessoas foram presas sob a acusação de entregarem uma associação criminosa especializada na subtração de caminhonetes, que contava com informações privilegiadas do funcionário de uma concessionária e de um indivíduo que trabalhava em um lava jato. As capturas aconteceram no contexto da terceira fase da Operação Intraneus, ocorrida na manhã de sexta-feira (22) e coordenada pela Delegacia Estadual de Repressão a Furtos e Roubos de Veículos Automotores (DERFRVA).

Ao todo, 25 policiais civis participaram das diligências que resultaram na prisão de Arthur Melo, 22 anos, e Michel Siles, 34 anos. De acordo com a delegada que preside as investigações, Sabrina Leles, o lava jato que empregava o indivíduo que repassava informações à quadrilha prestava serviços à concessionária onde trabalhava o outro informante dos criminosos. (Fonte: Polícia Civil)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *