Recomendação do MP é acatada e prefeitura de Anápolis não permitirá mais festas no Parque da Cidade

Parque da Cidade

Em atendimento à recomendação da promotora de Justiça Sandra Mara Garbelini, a Gerência de Licenciamento e Fiscalização Urbana de Anápolis informou que não tem mais autorizado, nem vai acatar mais pedidos de festas shows ou qualquer tipo de evento particular no Parque da Cidade.

A orientação do MP foi no sentido de que o plano de manejo da Área de Proteção Ambiental das Antas, onde está instalado o parque, seja obedecido, bem como implementado um plano de segurança para garantir a preservação do parque, segurança de visitantes e recuperação de danos já causados no local.

Segundo apontou a promotora, a realização de eventos no parque acarretaram, somente este ano, diversos danos, como quiosques queimados, grama pisoteada, bancos e pontes depredadas, além de poluição do curso hídrico da área. Além disso, foi verificada também a ocorrência de pesca e banho, que são expressamente proibidos, não havendo segurança no local. Uma dessas festas, realizada em setembro deste ano, teria espantado animais do local, como tamanduás e tatus. Outras situações similares foram pontuadas no documento, assim como detalhada a legislação ambiental a que o município tem que seguir, inclusive o Código de Posturas do Município, e instruções técnicas indicadas em laudo do Ministério Público Federal sobre o plano de manejo da APA. (Cristiani Honório / Assessoria de Comunicação Social do MP-GO – Foto: site da Prefeitura de Anápolis)