Roberto Naves: um prefeito fracassado que acha que sabe administrar

Por Dilmar Ferreira

 

Todas as pessoas que mantém contato com o atual prefeito de Anápolis, professor Roberto Naves, recebe dele uma aula de como administrar a cidade. Tudo mentira e tapeação. Ele se acha um grande administrador público, mas na verdade não sabe nada. Quer passar como um grande administrador, mas o tempo já mostrou que ele é fraco e não entende nada de administração pública. Não deu conta nem de montar uma equipe capaz de administrar a cidade.

Roberto Naves caminha a passos largos para entrar para a história como o pior prefeito da cidade em toda a sua história. Não foi capaz nem mesmo de montar uma equipe que pudesse pelo menos enganar os anapolinos porque ganhou cantando como o novo. Sua equipe não justifica os salários que recebe. O fracasso é generalizado e o ano de 2017, seu primeiro ano de mandato, já pode ser contabilizado como um ano perdido.

Roberto é um prefeito tão engessado que não tem autonomia nem para trocar parte de sua equipe fracassada. A cidade está ganhando o aspecto de cidade sem prefeito e sem rumo. A equipe não produz nem o suficiente para justificar o salário que recebe. A única coisa que o prefeito mostra quando apresentou as duas audiências públicas para prestar conta à sociedade, é o saldo financeiro que o prefeito vem economizando com o aumento abusivo de impostos. Esse dinheiro vem rendendo juros nos bancos e por isso mesmo a Prefeitura, através de suas prestações de conta, mostra que se transformou em um órgão público que pratica agiotagem.

Obras paralisadas

Essa semana o prefeito fez a solenidade para reiniciar as obras de uma escola. Ele fez discurso afirmando que estava reiniciando uma obra paralisada da administração anterior. É claro que a administração anterior não teve tempo para concluir e inaugurar a obra e assim que assumiu, o atual prefeito não fez os pagamentos para a empresa responsável pela execução da obra e foi obrigada a paralisar tudo por falta de dinheiro. Agora, ele reiniciou as obras e disse que vai concluir uma obra da administração passada. Sim, é verdade, mas quem paralisou as obras daquela unidade educacional foi ele próprio, há dez meses. Ficou parecendo que estava fazendo um grande favor em concluir uma obra da administração passada, o que não é verdade porque se as obras daquela unidade educacional estavam paralisadas foi porque não fez os pagamentos para a construtora que executa o serviço.

Roberto Naves é tão incompetente que não foi capaz de eleger as prioridades de sua administração. A saúde está um caos, assim como se transformou em caos outros setores da administração como a infraestrutura, meio ambiente, habitação, etc. Até o serviço relacionado com o setor de postura não vem mostrando serviço. A única coisa que a Prefeitura vem fazendo são os eventos que estão sendo realizados na Praça Dom Emanuel, que se transformou em uma espécie de centro de convenções ao ar livre. Quase todas as semanas um evento diferente é realizado naquela praça, perturbando o sossego dos moradores das proximidades.

A CMTT se transformou em um órgão auxiliar da Secretaria da Fazenda para ajudar a PM e o fisco nas blitz para arrecadar impostos automotores, além de pintar faixas para pedestres em vários pontos da cidade. Com o período chuvoso a cidade vai derreter literalmente. Essa semana uma placa anunciando o desvio da Avenida Brasil, foi parar no leito do Córrego das Antas, na altura do Terminal Rodoviário.

Mas o prefeito Roberto Naves acha que está tudo certo e que está fazendo uma grande administração. Deve estar achando isso mesmo porque sua assessoria só faz aplaudir o prefeito. Na Câmara Municipal, já começa, mesmo com certa timidez, o descontentamento por parte de alguns vereadores. Antônio Gomide, que possui o título de melhor prefeito da história de Anápolis, já começa a ter companhia na bancada de oposição na Câmara Municipal, apesar dos gritos promovidos por alguns vereadores que estão atolados até o pescoço com o prefeito que por sua parte contratou os apaniguados da maioria dos edis.

A imprensa, com raras exceções, está totalmente muda e parece que faz parte de um pacto de silêncio em troca de gordas verbas publicitárias. Se não fosse a atuação independente de O Anápolis e da Voz de Anápolis, o povo não teria acesso às verdades sobre a atual administração, cujo saldo é chegar ao final do primeiro ano da atual administração como o ano perdido.

3 Comentários


  1. Olha não morro de amores pelo atual prefeito, mas acredito que ele não vai fazer com Anápolis
    o que fez Lula e Dilma no governo do Brasil, roubaram e saquearão a nação brasileira, se o Brasil
    fosse um país sério, com certeza estariam na papuda, o nosso prefeito vai ter que se esforçar muito
    pra chegar a esse nível, que Deus tenha misericórdia dessa nação.

    Responder

    1. Todas as obras que o Governo Federal fez em Anápolis nos últimos vinte anos foram feitas pelos governos do PT. Não sou petista, mas sei reconhecer quem fez pela nossa cidade e também sei quem nada fez.

      Responder

      1. essa conversa que rouba mas faz não cola, lugar de ladrões é na cadeia.

        Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *